BLOG

Implantando a cultura de feedback em sua empresa

Esse artigo abordará sobre a importância de uma cultura de feedback eficiente em uma organização. Muitas empresas prezam por esse sistema em seu ambiente de trabalho, porém não o colocam em prática de maneira adequada. Feedback é uma via de mão dupla, é o retorno de algo que você tenha realizado que te possibilita entender o que se passou e evoluir, aprendendo com os seus erros.

A comunicação entre os colaboradores de uma empresa é essencial para que ela funcione de maneira justa e condescendente, mas é preciso que a mesma funcione sem desrespeito ou banalidade para com os funcionários, respeitando as normas impostas pela organização. Se sua empresa preza por uma hierarquia e os empregados não a respeitam como deveria, o sistema de feedback trará isso para você, mostrando que é possível todas as opiniões serem ouvidas sem intervir nos princípios já enraizados.

Existem diversos tipos de feedback, o positivo, que consiste em reforçar uma ação que foi benéfica de alguma maneira, incentivando essa pessoa a sempre melhorar. O negativo, que apesar do nome forte consiste em corrigir determinada ação inadequada e que não está de acordo com os objetivos da organização. O construtivo que tem como intuito, ajudar alguém melhorar seu desempenho, apesar de parecido com o primeiro citado, podemos dizer que o feedback construtivo também oferece alternativas para que essas benfeitorias já realizadas, se tornem ainda maiores. E por último, o feedback ofensivo, aquele que você nunca deveria implantar em sua organização, ele provoca reações indesejadas, desentendimentos e até intrigas.

A partir desses modelos você opta por um e o aplica como desejar, a parte boa é que é possível o adaptar para que funcione da melhor forma, podendo misturar dois modelos, ou até mesmo criando outras políticas em nós que já existem. O maior benefício de implantar esse sistema de feedback é conviver em um ambiente em que as pessoas trabalham de forma educada e empática independente de seu cargo e sem desrespeitar a hierarquia imposta.
Quando lemos a definição de feedback, surge um sentimento de utopia e também de dúvida, será mesmo que a fala pode resolver os problemas da minha organização? E sim, pode, mas é preciso realmente implanta-lo como um valor e transmitir isso para o restante da empresa.

Por Julia Jacob, graduanda em Psicologia na Universidade Presbiteriana Mackenzie e Coordenadora de Relações Institucionais na Consultoria RH Junior.

– – – –
Conheça os tipos de feedback e entenda o momento certo de aplica-los. Mundo Carreiras, 2017. Disponível em: https://tecnoblog.net/247956/referencia-site-abnt-artigos/. Acesso em 04 de jun. de 2019